img

TECNOLOGIA

Florianópolis vai receber pela primeira vez o World Creativity Day Brazil no dia 21 de abril

Publicado em 08/02/2019
Florianópolis vai receber pela primeira vez o World Creativity Day Brazil no dia 21 de abril

A ideia deste movimento é impactar os mais variados públicos e os mais diversos interesses, mostrando que a criatividade é o caminho para o desenvolvimento sustentável e a retomada econômica do país.



Ao todo, 52 cidades brasileiras, e três cidades portuguesas, receberão o evento que, desde 2014, quando teve sua primeira edição em São Paulo, vem crescendo a passos largos comprovando a vocação contemporânea de apostar em ideias, soluções e ações criativas que alcançam de adultos à crianças, da ciência ao empreendedorismo, de norte a sul do país.

Organizado por Lucas Foster, idealizador do Prêmio Brasil Criativo, o World Creativity Day Brazil é um dia inteiro de atividades de diversas áreas e setores voltados ao estimulo e produção criativos. Sua abrangência em 2018, quando contou com 2600 participantes, o fez passar a ser considerado o maior evento coletivo de criatividade do Brasil. Neste ano a expectativa é alcançar mais de 65 mil participantes. “Esta é a 4º edição do World Creativity Day Brazil e, finalmente, Florianópolis entrou na rota deste evento que vai além de um dia de atividades e gera um movimento que tem a cara do que está acontecendo nos últimos anos em Florianópolis, quando a cidade tornou-se polo tecnológico, e agora vê seu ecossistema se complementar com a criatividade”, diz Alex Lima, CEO da Glóbulo, que será o Líder local do evento na Capital.

O Líder local de cada uma das cidades envolvidas no World Creativity Day Brazil, e neste ano serão 50, são as pessoas que irão encabeçar e ramificar as ações do evento. A expectativa é que sejam 125 os anfitriões das 1500 atividades que impactarão as mais de 65 mil pessoas. “Florianópolis vem ganhando a identidade de Cidade Criativa, inclusive com campanhas públicas na busca deste reconhecimento e, por isso, está mais do que na hora de  consolidar isso através do real engajamento de toda sociedade, porque todo mundo pode participar seja através de pessoas físicas, iniciativa privada, instituições de classe ou órgãos públicos”, ressalta Alex Lima que, como Líder local do World Criative Day Brazil, precisa agora buscar parcerias para tornar o evento um marco na trajetória criativa da Ilha.