img



GERAL

Peritos de SC identificam catarinense que morreu nas enchentes do Rio Grande do Sul

Publicado em 10/05/2024


Divulgação/PCI
Peritos de SC identificam catarinense que morreu nas enchentes do Rio Grande do Sul



Os profissionais da Polícia Científica de Santa Catarina que estão atuando no trabalho de identificação das vítimas das chuvas, que assolam o Rio Grande Sul, identificaram o corpo do morador da cidade de Itapiranga e que tinha viajado ao estado gaúcho para uma festa de família.

Carlos Wolfart, catarinense de 41 anos, estava desaparecido há oito dias após a enxurrada que atingiu Sinimbu, no Rio Grande do Sul. O corpo dele foi encontrado na tarde de terça-feira, 8, na cidade gaúcha. A equipe da Polícia Científica catarinense realizou todos os procedimentos para a identificação da vítima. Os profissionais estão no Rio Grande do Sul apoiando a Perícia Oficial gaúcha nesse trabalho importante para dar mais agilidade na perícia e liberação dos corpos das vítimas das enchentes.

“O nosso governador Jorginho Mello autorizou o envio de oito profissionais e mais equipamentos e insumos da Polícia Científica para que possamos colaborar com o governo gaúcho nesse momento delicado. São profissionais de diversas áreas da PCI que trabalham nesse processo de identificação das vítimas do desastre”, ressaltou a perita-geral da Polícia Científica, Andressa Boer Fronza.


Reprodução
Peritos de SC identificam catarinense que morreu nas enchentes do Rio Grande do Sul

O catarinenseCarlos Wolfart, de 41 anos, estava no Rio Grande do Sul para participar de uma festa de casamento









Shopping








Leia também ...



















Aqui tem mais notícias para você ler ...