img

COMUNIDADE

Jornada Pedagógica Catarinense acontece nos dias 5 e 6 de fevereiro em Florianópolis

Publicado em 22/01/2019

Mais de 1.500 pessoas devem participar da Jornada Pedagógica Catarinense, nos dias 5 e 6 de fevereiro, no CentroSul, em Florianópolis, para discutir temas como educação criadora, cultura digital, gestão em sala de aula e os desafios à implementação da Base Nacional Comum Curricular.


Divulgação/Assessoria de Imprensa
Jornada Pedagógica Catarinense acontece nos dias 5 e 6 de fevereiro em Florianópolis

Os eventos coincidem com o início do período letivo nas escolas de Santa Catarina e debaterão assuntos que ajudarão os gestores educacionais e professores no planejamento das atividades escolares durante o ano.

Em paralelo, será realizada a Jornada Pedagógica Sinepe/SC 2019, promovida pelo Sindicato das Escolas Particulares (Sinepe), que representa 1.350 escolas particulares, de creche a instituições de ensino superior. A principal atração é a presença do escritor e palestrante internacional Marcos Piangers, que falará sobre “Família, escola e vida, uma espiada no futuro!”, às 19h do dia 5.

Ainda no dia 5, a programação da Jornada Pedagógica inclui palestras com educadores renomados como Júlio Furtado, doutor em Ciências da Educação e especialista em Programação neurolinguística, e Marcos Meier, autor de mais de dez livros e especialista em educação e comportamento. Ailton Dias de Melo, outro palestrante, é pós-graduado em Psicopedagogia e abordará da importância da abertura para novos pensamentos no campo pedagógico. Ricardo Mariz, doutor em Sociologia, fecha a programação oficial do primeiro dia falando das mudanças provocadas pela cultura digital no ambiente de ensino.

No dia 6, o programa prevê as conferências “Base Nacional Comum Curricular: impactos e desafios à sua implementação”, com a professora Ghisleine Tiago Silveira, e “BNCC no novo ensino médio: estrutura e modelos de organização”, e as mesas “Currículo base da educação infantil e ensino fundamental do território catarinense” e “O futuro do ensino médio em Santa Catarina”. Às 19h começa a palestra aberta com Gildo Volpato, intitulada “A importância da autoridade de pais e professores diante de crianças e adolescentes”.