img

CIDADES

Guarda no Bairro encerra primeira etapa do projeto com 33 localidades visitadas

Publicado em 13/12/2018
Divulgação Secom/PMSJ
Guarda no Bairro encerra primeira etapa do projeto com 33 localidades visitadas

Projeto da GMSJ finaliza atividades deste ano a partir desta quarta-feira (12) nas comunidades Los Angeles, Recanto da Natureza e Alto Forquilhas



A Guarda Municipal de São José (GMSJ) está finalizando a primeira etapa do Projeto Guarda no Bairro, nesta quarta-feira (12), com a realização do policiamento de proximidade nos loteamentos Los Angeles, Recanto da Natureza e Alto Forquilhas, no bairro Forquilhas. O projeto foi criado pela GMSJ, em julho deste ano, para construir uma relação de confiança entre o efetivo e a população. Após seis meses, a primeira etapa do projeto encerra nesta semana completando 33 localidades visitadas em São José.

Além de construir um relacionamento mais próximo com a comunidade, a meta da GMSJ era fazer um levantamento real das principais demandas na área da Segurança, ouvindo os moradores e comerciantes para realizar ações mais eficazes de acordo com a necessidade e característica de cada bairro. “O projeto se mostrou eficaz e, por meio dele, conseguimos solucionar problemas com tráfico de drogas, furtos e oferecer maior sensação de segurança em cada bairro”, avalia o comandante da GMSJ, Marcelo Luiz de Souza, ao celebrar os resultados obtidos com a ação.

Neste período a GMSJ visitou 33 localidades entre elas, os bairros Colônia Santana, Roçado, Bela Vista, Sertão do Maruim, Jardim Cidade, Fazenda Santo Antônio, Areias, Forquilhinha, Barreiros, Picadas do Sul, Nossa Senhora do Rosário, Praia Comprida, Ipiranga, Campinas, Serraria, Centro Histórico, Kobrasol, São Luiz, Potecas, Ponta de Baixo, além dos loteamentos Araucária, Luar, Jardim Zanellato, Jardim Botânico, Real Parque, San Marino, Santa Felicidade, Palmares, Ceniro Martins, Lisboa e Floresta.

O comandante conta que atuar de forma personalizada em cada comunidade surpreendeu positivamente os agentes, primeiro por conta da receptividade das pessoas, segundo pela contribuição dos moradores que colaboraram com sugestões e críticas construtivas que auxiliaram o comando na elaboração de ações mais específicas de segurança em cada local.

“Para o próximo ano pretendemos intensificar as ações do projeto, abrindo mais horários para os agentes atuarem nos bairros, além de levantar os dados para atuarmos de forma mais consistente, oferecendo mais serviços e interação com a comunidade por meio do projeto”, explica Marcelo, ao lembrar que o Guarda no Bairro é um projeto pioneiro desenvolvido em São José e tem servido como referência para outros municípios do estado, como Balneário Camboriú, que também instituiu o Guarda no Bairro na cidade.

 



Com informações de PMSJ/ASCOM